sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Educação no Trânsito: Características e Habilidades Elementares

Um levantamento realizado pela Polícia Rodoviária Federal constata que a imprudência é a principal causa de acidentes e mortes no trânsito. Cerca de 32,7% dos acidentes em 2014 ocorreram devido à desatenção dos condutores, 4,9% por desrespeitar a sinalização e 4,4% por dirigir embriagado.

Os números continuam crescendo dia após dia, demonstrando que os condutores estão cada vez menos preocupados com a segurança no trânsito. Porém, para diminuir números alarmantes como esses, é necessário que os motoristas conscientizem-se e contribuam para resultados mais positivos.

Imagem: O Estado
O primeiro passo para atingir esse objetivo é ter mais de paciência. O fluxo de automóveis está aumentando gradualmente, o que torna o trânsito mais lento. É necessário manter a calma diante de aspectos inevitáveis como engarrafamentos, ultrapassagens e lentidões geradas por acidentes.

Em seguida vem a atenção diante de tudo o que está acontecendo. É fundamental que o motorista concentre-se nos carros, pedestres, nas condições do tempo e no movimento do trânsito em geral. Sair do modo automático e preparar-se para qualquer imprevisto é a melhor forma de prevenir acidentes.

A segurança também é um ponto essencial para um trânsito mais consciente. Antes de tomar decisões, é importante questionar se a atitude está colocando em risco a segurança do condutor e dos outros ao redor. Usar sempre o cinto de segurança e respeitar a sinalização são requisitos básicos.

Junto com a atenção e a segurança está o planejamento. Afinal, um motorista atento e precavido antecipa suas decisões, deixando explícito aos outros condutores qual será o seu movimento. Esquecer de manter-se à direita para realizar uma conversão ou dirigir a uma velocidade incompatível por estar atrasado são atos imprudentes, que podem resultar em ocorrências desagradáveis.

Esses comportamentos, aliados ao respeito, reduzem consideravelmente as chances de acidentes, tendo em vista que o motorista estará mais consciente sobre seus atos e os dos outros motoristas. Deve-se sempre lembrar que o espaço é divido com outras pessoas, e que a gentileza também torna o trânsito mais agradável.

Este artigo foi criado pela equipe Ituran Rastreadores para uso exclusivo do blog Sala de Trânsito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário