quinta-feira, 12 de março de 2015

Exigência do uso de novos extintores veiculares é prorrogada por mais 90 dias

Depois de ter adiado a exigência do uso dos extintores veiculares tipo ABC no início do ano, o Ministério das Cidades decidiu prorrogar esse prazo por mais 90 dias. Agora, os motoristas têm até o dia 1º de julho para se adequarem à nova regra. A determinação, que foi acatada pelo Contran, o Conselho Nacional de Trânsito, foi anunciada nesta quarta-feira (11). Mesmo assim, os motoristas seguem preocupados em adquirir logo o equipamento, que continua em falta em várias lojas.

Inicialmente, a data limite estabelecida para os motoristas se adequarem à norma foi 1º de janeiro de 2015. A determinação foi estipulada pela resolução 333/2009 do Contran. Em seguida, o prazo foi prorrogado para 1º de abril pela resolução 516/2015 e, agora, foi estendido novamente. O aumento no prazo se deve justamente à dificuldade dos motoristas em encontrarem o produto no mercado.

O extintor do tipo “ABC” é capaz de conter chamas em estofados, tapetes e painéis – os antigos da categoria “BC” são eficazes somente contra chamas em equipamentos elétricos ou provocadas por líquidos inflamáveis. Precisam substituir o produto apenas os donos de carros fabricados até o ano de 2004. Os carros feitos a partir de 2005 já têm o novo modelo. Após o fim do prazo de adequação, a ausência do equipamento vai ser punida com multa de 127 reais e 69 centavos mais a inscrição de cinco pontos na carteira de habilitação e retenção do veículo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário