quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Sensores substituem ações do motorista no carro

Hoje já não bastam os carros levarem as pessoas de um lugar para o outro. Eles têm de ter ar condicionado e direção hidráulica, no mínimo. Junta-se a isso o aumento de itens tecnológicos. Do sensor de chuva ao sensor de cansaço, conheça mais sobre equipamentos de última geração que vêm tomando as ruas para dar mais conforto e segurança ao motorista. 

Sensor de chuva 

Além de aumentar o conforto no trânsito, esse sensor fica instalado na parte superior do para-brisas dianteiro, na base de fixação do retrovisor interno no vidro. Esta é uma posição estratégica para a percepção das mudanças climáticas e maior eficiência na limpeza do para-brisas. Se chover, ele aciona os limpadores e também controla a velocidade. 

Sensor crepuscular 

O sensor crepuscular é um sistema automotivo que percebe as diferenças de claridade do ambiente e faz a adaptação do veículo acionando ou desligando seus faróis. Além de garantir o conforto dos passageiros e do condutor, também tem influência na segurança, pois tem como objetivo proporcionar máxima visibilidade ao motorista. 

Sensor de Fadiga 

Este item faz uma análise no jeito de dirigir do motorista no início da viagem. Depois, ele é capaz de comparar pelo ângulo do volante, tempo de ação e reação dos pedais e aceleração transversal se o condutor está ou não sonolento. Se a fadiga for constatada, um aviso sonoro é emitido com o alerta de perigo. 

Park Assist 

O botão, que fica localizado no console do carro, ativa os sensores que calculam o espaço e o tipo de manobra necessária para estacionar. Ao localizar um espaço compatível com o tamanho do veículo, um aviso é exibido na tela, que fica no painel do carro. A partir de então, o carro dá instruções ao motorista de como entrar na vaga.

Adaptive Cruise Control 

O trabalho aqui é feito com sinais enviados via ultrassom. Eles detectam a posição do veículo à frente e controlam a aceleração e frenagem, evitando colisões e garantindo uma condução segura.

Fonte: Terra.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário