terça-feira, 12 de novembro de 2013

Identifique sinais de problema no escapamento do carro

O sistema de escapamento do carro em boas condições reduz ruídos, controla a liberação de gases e até economiza combustível. Por isso, se você perceber algum problema, procure uma empresa especializada.

Nos carros que circulam no Brasil o sistema de escapamento geralmente é formado por quatro partes: coletor, catalisador (mais próximo ao motor), silenciador intermediário e silenciador traseiro. Qualquer uma que estiver danificada interfere na contra pressão dos gases, o que irá influenciar no consumo de combustível. O que mais estraga é o silenciador traseiro, mais visível atrás do carro, por ficar mais longe do calor do motor e, por isso, reter mais água.

Veja, abaixo, os principais indícios de que o escapamento está com problema. 

Aquecimento do assoalho 

O problema é decorrente da proximidade errada do sistema de escapamento ao chão do carro. Isso pode acontecer em função de alguma tortura no sistema. Também pode ser por causa do escapamento trincado. A solução é trocar a peça danificada. Também é importante o cuidado com o alinhamento da nova peça. 

Excesso de ruídos 

Provavelmente o problema está em um dos silenciosos (traseiro ou intermediário). O motorista nota facilmente que o barulho do carro aumentou. Deve ser feita uma checagem nos tubos e no miolo dos silenciadores para saber se não há furos. Nesse caso, a solução também é a troca da peça inteira. 

Trepidação 

Problemas nas borrachas e coxins que prendem o sistema de escapamento à carroceria do carro podem se romper. Quando isso ocorre, geralmente o motorista percebe barulhos embaixo do carro ou trepidação no assoalho. Não perca tempo. A troca de borrachas e coxins é barata, mas se não for feita, pode provocar a quebra de peças do escapamento.

Fonte: Terra.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário