segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Dicas para uma condução segura da sua moto

Antes de sair com a moto
Entre os requisitos básicos antes de sair com a moto está colocar corretamente o capacete, que precisa ficar justo e afivelado. As mulheres devem prender o cabelo, se for comprido. 

Pilotando na cidade
Buracos, bueiros e más condições da pista podem se tornar armadilhas nas cidades. É fundamental saber dosar os freios da moto, para evitar o travamento.

O motociclista precisa utilizar a sua faixa, tomando cuidado com o óleo que pode se acumular no centro. E nada de "podar" a lombada, passando pelo lado: os cantos da rua são depósitos de pregos e objetos que podem furar o pneu. O jeito certo é encarar o quebra-molas com velocidade reduzida. E, antes de escolher como estacionar, pense em qual será o jeito mais fácil de sair. 

Pilotando na estrada
Partindo para a rodovia, a velocidade aumenta e os equipamentos de segurança são ainda mais importantes. O ideal é manter uma distância dos veículos que possibilite enxergar obstáculos à frente, explica o instrutor Raul Fernandes Jr. E nada de ficar "em pé" na moto: manter a posição normal, aquela do dia a dia, cansa menos.

Ultrapassagens devem ser feitas sempre pela esquerda e, nas curvas, nada de tangenciar: deve-se sempre seguir a linha da trajetória das pistas. Em situações de chuva e neblina, a velocidade deve ser reduzida. Antena corta-fio é outro item importante na estrada: evita acidentes com linhas de pipa. 

Pilotando na terra
Na terra existem duas situações distintas: apenas o deslocamento, em estradas, e o lazer, com a prática de esportes. Para rodar em vias sem asfalto, é indicado reduzir a velocidade.

Em trilhas e pistas, é fundamental a utilização de outros equipamentos de segurança, especiais para esta prática, além de moto específica. O piloto Cauê Aguiar explica quais são esses itens no vídeo acima. Além disso, é essencial estar acompanhando, para ser ajudado caso ocorra algum imprevisto. E aprender a fazer as manobras e saltos, e nunca se arriscar em movimentos sem ter a técnica necessária. 

Manutenção preventiva
Para manter a moto em dia, é importante fazer constantemente um check-up visual do modelo. O mecânico especializado Miguel Panadés explica item por item. Além de verificar estado e pressão dos pneus, o nível do óleo e a lubrificação e tensão da corrente são importantes. Até na hora de lavar a moto é preciso ficar atento:dispense líquidos especiais para os pneus, pois eles podem levar a um tombo logo na primeira curva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário